quinta-feira, 26 de julho de 2012

Fado – Saudade no Futuro – Saudade no futuro

video


Saudade no futuro

Se o fado canta a saudade
A saudade canta o fado
Saudosos mas com vaidade
Dos fadistas do passado

Dos fadistas do passado
De tudo o que é tradição
Um poema desalmado
Batendo no coração

Batendo no coração
Com as guitarras trinando
A voz que canta emoção
No fado vive cantando

No fado vive cantando
A vida com alegria
Por ter asas vai voando
Quer de noite, quer de dia

Quer de noite, quer de dia
Dá-nos o fado mais puro
Sente o mundo a nostalgia
Da Saudade no futuro

Letra: Rui Rocha
Música: Popular (Fado Corrido)

Fado – Saudade no Futuro – Há fado em toda a gente

video


Há fado em toda a gente

Talvez o mar se revolte
Talvez o sol já não volte
Se o fado deixar de o ser
Pode até fugir a lua
E esconder-se numa rua
E não voltar a aparecer

O céu azul vai chorar
Por não ouvir mais cantar
A voz castiça do fado
E o Tejo com saudade
Não vai correr com vontade
Fica assim triste e parado

Só que há fado em toda a gente
E mesmo quem o não sente
Não o deixará esquecido
Pois ele é de todo um povo
Quer seja antigo ou mais novo
Não vai estar só nem perdido

O Tejo volta a sorrir
O sol no céu vai surgir
E vem beijar as vielas
Só mais tarde a lua vem
E o fado virá também
Para entrar em todas elas

Letra: Rui Rocha
Música: Pedro Rodrigues dos Santos (Fado Pedro Rodrigues)

Fado – Saudade no Futuro – Quem dança o fadinho

video


Quem dança o fadinho

Dois passos à frente, dois passos atrás
Vá gingando a anca, veja se é capaz
Veja se capaz, dançar a preceito
As mãos na cintura, coração no peito
Coração no peito sinta o que ele faz
Dois passos à frente, dois passos atrás

Quem entrar na roda vai ter de aprender
Passada certinha, assim tem de ser
Assim tem de ser, sem sair da roda
Mãozinha à cintura que não incomoda
Que não incomoda e não vale desprender
Quem entrar na roda vai ter de aprender

Quem dança o fadinho, vai ter de o cantar
Com voz afinada e não se enganar
E não se enganar e sem trocar o passo
A mão na cintura batendo a compasso
Batendo a compasso sem nunca parar
Quem dança o fadinho, vai ter de o cantar
Batendo a compasso sem nunca parar
Quem dança o fadinho já sabe dançar

Letra: Rui Rocha
Música: Arlindo de Carvalho

Fado – Saudade no Futuro – Rua do bem conviver

video


Rua do bem conviver

Eu gosto da minha rua
Mas que a lua diz que é sua
Só porque a vem visitar
Eu digo que ela é minha
Da Rosinha e da vizinha
Ninguém a pode tirar

As casas todas caiadas
Decoradas, enfeitadas
Com flores do meu jardim
As rosas estão nas janelas
Ficam belas, todas elas
Numa alegria sem fim

As cortinas são de linho
Bordadinho lá do Minho
Todas feitas pela Bia
Temos ninhos nos beirais
De pardais e outros mais
Que chilreiam todo o dia

O Pedro que vem da escola
Joga à bola, faz graçola
Mostra bem que está feliz
Depois vê chegar a Rita
Que é bonita e acredita
Em tudo o que ela lhe diz

O nome da minha rua
Que a lua diz que é sua
Nunca eu irei esquecer
Não tem nome de ninguém
Mas porem chamou-lhe alguém
Rua do bem conviver

Letra: Rui Rocha
Música: José Marques (Fado Triplicado)

Fado – Saudade no Futuro – Lisboa sai a dançar

video


Lisboa sai a dançar

Vai descendo esta avenida
A entoar um refrão.
Lisboa tem vida
Veste cor garrida
Ao luar da tradição

A mão levada à cintura
Marchando pé ante pé
Com a voz segura
Canta com lisura
Lisboa mostra quem é

Um bairro vadio
Desce até ao rio
Diz que quer beijar o mar
Vai cantar um fado
Com xaile traçado
E a guitarra a soluçar

E um manjerico
Rima um namorico
A quem o quiser levar
Sardinha no pão
Um arco, um balão
Lisboa sai a dançar

O Santo António, há quem diga
Que não será de Lisboa
O povo nem liga
Isso é história antiga
De quem quer mentir à toa

Festeja-se o padroeiro
Numa noite de folia
As flores no canteiro
Não roubam o cheiro
À festa e à alegria

Letra: Rui Rocha
Música: Raul Ferrão (Marcha do Centenário)

Fado – Saudade no Futuro – Olhar em cada estação

video


Olhar em cada estação

A primavera surge nos meus olhos
Tal como uma andorinha que regressa
E nascem malmequeres brancos aos molhos
Num bem me quer de olhar que alguém me peça

O verão faz aquecer o meu sorriso
Mais terno vai ficando a cada dia
O mar, o sol, o vento que preciso
São bálsamos de cor e de alegria

Se o meu olhar sorrir com tons de outono
Levado como as folhas pelo vento
Quem sabe viajando ao abandono
Encontre um outro olhar por um momento

Meus olhos não estão tristes no inverno
Nem frios como as manhãs de céu incerto
Mantém o seu sorrir tão doce e terno
Na esperança que ele seja descoberto

Letra: Rui Rocha
Música: Alfredo Marceneiro (Fado CUF)

Fado – Saudade no Futuro – Sopro de alegria e de emoção

video


Sopro de alegria e de emoção

Quero subir ao pico de uma serra
E encontrar ali uma nascente
Abrir os braços e abraçar a terra
Gritar bem alto que me sinto gente

Será que guardarei doce lembrança
Na caixa que o futuro me vai dar
Que viverei meu sonho de criança
Ou outro que ainda tenho p’ra sonhar

Cantando eu vou pedir à felicidade
Que deixe minha voz seguir seu fado
Feliz sei que o fará com mais vontade
E assim irá cantar por todo o lado

Se a serra me deixar sentir o vento
Num sopro de alegria e de emoção
Eu levarei comigo esse momento
Sentido e bem colado ao coração

Letra: Rui Rocha
Música: Miguel Ramos (Fado Alberto)

Fado – Saudade no Futuro – E se eu cantar

video


E se eu cantar

A vida não é novela
Pode até ser bem mais bela
Se vivida com prazer
Pode até ter episódios
Mas não deverá ter ódios
Nem maldades por fazer

Namorados, casamentos
Uns abraços, sentimentos
Mil sorrisos no olhar
Deve ser levada a sério
Pois a vida é um mistério
Que demora a desvendar

Eu quero viver
Sempre a aprender
Pois só assim será bem mais fácil crescer
E se eu cantar
Posso espantar
Um qualquer mal que a vida tenha pra me dar

Vai ser bom sentir saudade
Seja qual for a idade
Porque assim não esquecerei
Vai custar dizer adeus
A todos que sinto meus
E no coração guardei

A tristeza e a alegria
Partilhadas dia a dia
Vão ganhar muito valor
O beijo de uma criança
Faz-nos renovar a esperança
Que a vida tem sempre amor

Eu quero viver
Sempre a aprender
Pois só assim será bem mais fácil crescer
E se eu cantar
Posso espantar
Um qualquer mal que a vida tenha pra me dar

Letra: Rui Rocha
Música: Rui Rocha

Fado – Saudade no Futuro – Fado das flores

video


Fado das flores

Se a rosa me quer picar
Por trazer espinhos com ela
Saiba que pode encontrar
Outros espinhos como os dela
Se a rosa me quer picar
Tem de ter muita cautela

Se o malmequer me quiser
Assim mal como ele diz
Faça ele o que fizer
Eu serei sempre feliz
Se o malmequer me quiser
Do seu mal já me refiz

Lírio roxo, meu encanto
Quantas vezes te pedi
Fazeres parte do meu canto
Como em outros eu ouvi
Lírio roxo, meu encanto
Em meu canto te senti

Quero o meu amor-perfeito
Com a cor do teu lilás
Essa flor que tens no peito
Que por vezes não me dás
Quero o meu amor-perfeito
Mais perfeito não se faz

Letra: Rui Rocha
Música: Alfredo Marceneiro (Fado Marcha)

Fado – Saudade no Futuro – Tenho sonhos cor do mar

video


Tenho sonhos cor do mar

Tenho sonhos cor do mar
Onde guardo fantasias
Doce verde de encantar
Salpicado de alegrias

Adormeço então sorrindo
Embalando o coração
Outras cores irão surgindo
E a sonhar não sonho em vão

Quando acordo com saudade
Do sonho que foi sonhado
Penso até que foi maldade
Dele me terem acordado

Quando uma estrela cadente
Me faz pedir um desejo
Sonho ali tão de repente
E a sonhar meu sonho vejo

Arco íris, sete cores
Todas elas me tocando
Enchem meu sonho de flores
E a viver eu vou sonhando

Letra: Rui Rocha
Música: Francisco Viana (Fado Vianinha)

Fado – Saudade no Futuro – Eterno encanto

video


Eterno encanto

O fado pode ser minha canção
Se a alma que o transporta me acolher
A ele entrego a voz e o coração
Que seja meu destino assim viver

Foi dele aquele afago que sentia
Depois de uma guitarra me chamar
Cantei porque a cantar eu repartia
O muito que o meu canto lhe quer dar

Vestia a cor que o fado me emprestava
E o xaile tinha o cheiro da idade
Num verso uma palavra que chorava
Apenas por não rimar com saudade

Eu sigo esta paixão que mesmo incerta
Palpita no meu peito quando canto
Se o fado for eterna descoberta
Que seja então eterno o meu encanto

Letra: Rui Rocha
Música: Miguel Ramos (Fado Margarida)

Fado – Saudade no Futuro – Se o tempo me fez cantar

video


Se o tempo me fez cantar

Se o tempo me fez cantar
E se a cantar sou feliz
A voz eu quero entregar
A tudo o que o fado diz
A voz eu quero entregar
Pois foi ela que assim quis

Se o fado me quer no fado
Então fadista serei
Usar um xaile bordado
Que de outros ombros herdei
Usar um xaile bordado
Por tradição cantarei

E se a guitarra quiser
Responder ao meu pedido
Estarei onde ela estiver
Só assim fará sentido
Estarei onde ela estiver
Sem ela terei morrido

Se por cantar não me canso
E o mal de mim se espantou
Ele próprio pede descanso
Daquilo que nunca causou
Ele próprio pede descanso
A quem nunca se cansou

Letra: Rui Rocha
Música: José Pedro Blanc (Fado Blanc)

Fado – Pedro Galveias – Ritz Club

video